• Idoso

CAOP Informa

04/11/2020

Secretário-geral da ONU conclama países a priorizarem cidadãos idosos nos esforços para superar pandemia

No dia 1º de outubro, as Nações Unidas celebraram o Dia Internacional dos Idosos, realçando os propósitos da atual Década do Envelhecimento Saudável (2020-2030) e recomendando que sejam ouvidas as vozes, sugestões e ideias deste grupo para construir sociedades mais inclusivas e amigas dos idosos.

O Secretário-Geral da ONU, António Guterres, conclamou os países a priorizarem os cidadãos nesta faixa etária nos esforços para superar a pandemia, especialmente diante do impacto desproporcional e severo da COVID-19 sobre idosos de todo o mundo (não apenas na sua saúde, mas nos seus direitos e bem-estar).

Também ressaltou a importância da ampliação das políticas de assistência e previdência social para pessoas com mais de 60 anos. Neste sentido, importante sublinhar que, segundo as Nações Unidas, até o fim de 2020 “o número de pessoas com 60 anos ou mais superará o número de crianças com menos de cinco anos”.

Ademais, a projeção para os próximos 30 anos é de que o número de idosos em todo o mundo mais do que duplique (fique acima de 1,5 bilhão de pessoas em 2050), sendo que cerca de 80% viverão em países de baixa e média rendas. Para saber mais, clique aqui.

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem