• Idoso

CAOP Informa

14/07/2021

14ª PJ de Maringá consegue afastamento imediato de dirigentes de ILPI de Maringá por irregularidades que colocavam internos em risco

A Promotora de Justiça atuante na 14ª Promotoria de Justiça de Maringá, Michele Nader, após consulta e orientações do Centro de Apoio para atuação na defesa dos idosos residentes em Instituição de Longa Permanência (ILPI) localizada na comarca, diante da verificação de irregularidades de ordem sanitária e de gestão na unidade, que colocavam em risco os idosos residentes, ajuizou ação para apuração judicial de irregularidades (autos sob nº 0012562-37.2021.8.16.0017), com pedido de afastamento provisório e imediato dos dirigentes, o qual foi acolhido pela  7ª Vara Cível de Maringá, “a fim de que, não só sejam apuradas as irregularidades existentes, como também seja estabelecida uma diretoria provisória que eventualmente sane as irregularidades ou promovam o encaminhamento adequado dos idosos ali acolhidos (seja encaminhando-os à família ou para outra instituição)”.

Em 2020, houve surto da COVID-19 na instituição, culminando na morte de 7 idosos. A petição inicial  está disponível no acervo de peças virtual do CAOPIPCD, na página com os materiais de Apoio  do Projeto “MP Inclusivo - ILPIs Fiscalizadas”. Para saber mais, clique aqui.

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem